Victor B. Soraggi Participa do Simpósio Médico da CBF

O médico Victor B. Soraggi (RQE 70819), docente do Instituto Caduceu recentemente teve o privilégio de representar o Palmeiras no renomado simpósio médico da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), um evento que reuniu especialistas para discutir avanços na medicina esportiva aplicada ao futebol.

A participação de Soraggi no simpósio é um reflexo de sua expertise e do compromisso do Palmeiras com a saúde e o desempenho dos atletas.
O VI Simpósio de Educação Continuada da Comissão Médica e de Combate à Dopagem da CBF, ocorrido nos dias 3 e 4 de outubro na sede da entidade, contou com a presença de 76 médicos de diferentes categorias do futebol nacional. O presidente da CBF, Ednaldo Rodrigues, enfatizou a importância da atualização constante dos médicos para aprimorar o futebol brasileiro em todas as suas dimensões.

Os temas abordados foram diversos, desde o manejo de emergências em campo, coordenado pelo Dr. Roberto Nishimura, até um painel especial sobre futebol feminino, abrangendo aspectos como alterações hormonais e treinamento. A experiência na Seleção Brasileira foi compartilhada por José Luiz Runco, e o controle de dopagem foi discutido por Osvaldo Pangrazio.

Uma das novidades mais impressionantes apresentadas foi o sistema de monitoramento médico utilizado em torneios da Conmebol e da FIFA, que permite um acompanhamento em tempo real das condições dos jogadores, uma ferramenta que em breve deve chegar ao Brasil. Esse avanço tecnológico representa um marco para a medicina esportiva, prometendo revolucionar o acompanhamento médico durante os jogos.

A questão das condições climáticas e seu impacto na saúde e performance dos atletas também foi um tópico de grande interesse. A implementação de paradas médicas para hidratação e resfriamento foi discutida, um mecanismo já em uso em competições sul-americanas e que traz benefícios importantes para os jogadores.

No campo do futebol feminino, um debate específico sobre questões hormonais e sua influência nas atletas destacou a singularidade e a importância do acompanhamento médico adaptado às necessidades das mulheres no esporte.

O simpósio serviu não só como uma plataforma para compartilhamento de conhecimento e experiências, mas também como um indicativo dos esforços contínuos da CBF e da comunidade médica para manter a integridade e o aprimoramento do futebol brasileiro. As contribuições de Victor Soraggi e de seus colegas são fundamentais para este processo, reforçando a relevância do evento na busca por um futebol mais seguro e avançado.